Noticia

Evento sobre suicídio realizado em Curitiba já está disponível no Youtube

Mesa-redonda abordou a temática sob diferentes abordagens

Atualizado em 05/06/2017

 

Evento reuniu dezenas de profissionais na sede do CRP-PR em Curitiba

 

Clique aqui para acessar o vídeo completo com todas as falas e perguntas dos participantes.

 

O suicídio ganhou grande espaço na mídia após virar tema de um seriado e um jogo virtual ganhar repercussão por supostamente induzir adolescentes a tirar a própria vida. Para dar suporte às(os) Psicólogas(os), o Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR) disponibiliza o a gravação do evento, que contou com a participação da Psicóloga Ana Suy Sesarino (CRP-08/13236); Psicóloga Vera Regina Miranda (CRP-08/01386); Psicólogo Tonio Dorrenbach Luna (CRP-08/07258); Psicólogo Nélio Pereira da Silva (CRP-08/00016) e Psicóloga Sheila Maria Hesketh Rabuske (CRP-08/00845), além da mediação do Psicólogo e conselheiro Luciano Bugalski (CRP-08/11857).

 

Veja também: Baleia Azul: o desafio dos pais e profissionais é dar apoio a adolescentes

 

Psicanálise

No vídeo, você pode conferir algumas reflexões importantes sobre a preparação da(o) profissional. “Cada um precisa trabalhar estas questões para poder ouvir o outro”, diz Ana Suy Sesarino.

 

Prevenção

Já a Psicóloga Vera Miranda trouxe ao público os principais fatores de risco do suicídio, como transtornos de humor e o uso abusivo de substâncias psicoativas, e como trabalhar a prevenção. “Os vínculos estáveis de amor são importantes. É preciso fortalecer as redes de apoio”, disse, citando ainda outras estratégias como o controle do estresse e da ansiedade.  

 

A função da Psicologia

O evento contou ainda com uma profunda reflexão de Nelio Pereira da Silva, que destacou a importância de Psicólogas(os) falarem sobre o tema e perceberem sinais de que o paciente pode estar em risco de suicídio. “É função da Psicólogo estar atento e não deixar que a raposa cuide do galinheiro”, concluiu.   

 

Suicídio na adolescência

A Psicóloga Sheila Rabuske também destacou esta função da Psicologia, sendo também importante estar preparada(o), enquanto profissional, para lidar com os familiares do paciente. Ela trouxe, ainda, informações de uma cartilha produzida pela Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul (APRS) intitulada “13 orientações da APRS sobre o suicídio da adolescência”, com mitos e verdades sobre a temática.

 

Psicologia Clínica

Tonio Luna atua na clínica e já atendeu diversos pacientes com ideação suicida. Com a autorização de um deles, trouxe um recado que um menino de 15 anos gostaria de dar aos pais:

 

“Se aproximem mais de mim. Mas não tanto. Me deem um certo espaço, mas se aproximem. E entendam que não é responsabilidade de vocês caso eu me mate ou não”.

 

Assim como seus colegas, Tonio também entende como sendo fundamental que a(o) Psicóloga(o) esteja preparada(o) para tratar do tema e também que as pessoas tenham espaço para falar.

 

Para ver as fotos do evento, clique aqui para acessar nosso Banco de Imagens.